Veja filmes brasileiros inscritos para concorrer ao Oscar

Aquarius e Chatô estão na lista divulgada pela Secretaria de Audiovisual

Jornal GGN -  
 
A Secretaria de Audiovisual fechou a lista dos filmes brasileiros que vão disputar no Oscar 2017 como melhor filme estrangeiro e, na próxima segunda (12), irá anunciar a película que irá oficialmente representar o país no festival. 
 
A seguir você acompanha os 17 títulos listados pela pasta, dentre eles está Aquarius, do diretor Kleber Mendonça Filho que publicamente, junto com o elenco do filme, denunciou o golpe político no país no tapete vermelho de Cannes e Chatô, película que demorou 20 anos para ficar pronta, levando o diretor Guilherme Fontes a sofrer um processo do Tribunal de Contas da União (TCU) por uso indevido de recursos da Rouanet. 
 
Numa segunda fase, a comissão especial do Oscar vai selecionar entre os 17 inscritos o filme que será nomeado para avaliação da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas. As chances de Aquarius são mínimas, isso porque um dos jurados da comissão especial, Marcos Petrucelli, atacou publicamente as manifestações políticas de Mendonça Filho e da equipe do filme.
 
 
 
De Laysa Zanetti
 
Secretaria de Audiovisual divulgou a relação de filmes inscritos nesta sexta-feira (02)
 
Está fechada a lista de filmes brasileiros que vão disputar por uma vaga a melhor filme estrangeiro no Oscar 2017. A Secretaria de Audiovisual divulgou nesta sexta (02) a lista de filmes inscritos, e irá anunciar o representante oficial no próximo dia 12 de setembro, às 14h de Brasília.
 
A comissão especial do Oscar irá selecionar, entre os inscritos, aquele que deverá ser nomeado para a avaliação da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas. Esta mesma comissão esteve envolta em polêmicas nas últimas semanas após divergências envolvendo um dos jurados, o crítico Marcos Petrucelli, que veio atacando publicamente Aquarius e as manifestações políticas da equipe, desde sua exibição no Festival de Cannes. Leia aqui.
 
Em apoio a Aquarius e ao seu diretor Kleber Mendonça Filho, a equipe de Boi Neon, na figura do diretor Gabriel Mascaro, havia anunciado que não submeteria o filme à comissão; a mesma decisão foi tomada pela diretora Anna Muylaert, que aderiu ao boicote e não inscreveu o drama Mãe Só Há Uma. Vale lembrar, o longa anterior da cineasta, Que Horas Ela Volta?, foi o selecionado brasileiro no Oscar 2016, mas não chegou à disputa final. 
 
Veja a lista dos inscritos:
 
Aquarius (Kleber Mendonça Filho)
Chatô - O Rei do Brasil (Guilherme Fontes)
Mais Forte Que o Mundo - A História de José Aldo (Afonso Poyart)
Nise - O Coração da Loucura (Roberto Berliner)
Campo Grande (Sandra Kogut)
Menino 23: Infâncias Perdidas no Brasil (Belisário Franca)
Pequeno Segredo (David Schürmann)
O Roubo da Taça (Caíto Ortiz)
A Despedida (Marcelo Galvão)
O Outro Lado do Paraíso (André Ristum)
Uma Loucura de Mulher (Marcus Ligocki Júnior)
Vidas Partidas (Marcos Schechtman)
Tudo Que Aprendemos Juntos (Sérgio Machado)
O Começo da Vida (Estela Renner)
A Bruta Flor do Querer (Andradina Azevedo, Dida Andrade)
Até Que a Casa Caia (Mauro Giuntini)
A Hora e a Vez de Augusto Matraga (Vinícius Coimbra)
 
Além de Petrucelli, Adriana Rattes, Luiz Alberto Rodrigues, George Torquato Firmeza, Bruno Barreto, Carla Camurati, Paulo de Tarso Basto Menelau, Silvia Maria Sachs Rabello e Sylvia Regina Bahiense Naves completam a comissão.
Potar no Google Plus

About Antonio F. Nogueira Jr.

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: